A Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan) reforçou as medidas para evitar o contágio do coronavírus. As recomendações visam proteger os empregados da empresa, especialmente os que fazem parte dos grupos de risco.

A Codeplan suspendeu o controle de acesso às catracas por biometria e senha, reduzindo possíveis áreas de contágio. A entrada na sede da empresa será feito mediante apresentação de documento pessoal, carteira funcional ou crachá.

Leia também

imagem17-03-2020-03-03-11
imagem17-03-2020-03-03-11

GDF está pronto para atender casos suspeitos de coronavírus

“Nós vamos eliminar todas as possibilidades de contágio e adotar o que for necessário para prevenir a proliferação do coronavírus, de acordo com o vem sendo adotado pelo governo”, afirmou o presidente da Codeplan, Jean Lima.

A companhia também instituiu o trabalho remoto para empregados com mais de 60 anos, gestantes e pacientes crônicos. Os que retornem de viagem internacional ficam afastados administrativamente por 14 dias.

A Codeplan intensificou ainda serviços de higienização e limpeza de banheiros, elevadores, corrimãos e maçanetas, bem como providenciou a aquisição e a instalação de dispensadores de álcool gel nas áreas de circulação e no acesso a salas de reuniões e gabinetes.

 

* Com informações da Codeplan

Fonte: agenciabrasilia.df.gov.br/2020/03/16/codeplan-adota-medidas-contra-contagio-do-coronavirus