Governador Ronaldo Caiado e secretária de Educação Fátima Gavioli
Governador Ronaldo Caiado e secretária de Educação Fátima Gavioli
Governador Ronaldo Caiado e secretária de Educação Fátima Gavioli | Foto: Folha Z

Durante anúncio da reforma de 113 escolas e entrega de dispositivos audiovisuais para alunos com deficiência na manhã desta 4ª feira (5), a secretária de Educação de Goiás (Seduc), Fátima Gavioli, garantiu que a ordem dentro do governo é para a economia de recursos públicos.

“Acabou aquela história de lançar obra sem projeto, sem licitação e, depois de 1 ano, dizer que não foi pra frente”, afirmou.

Presidente da Alego, Lissauer Vieira, também estava presente no lançamento da reforma de 113 escolas
Presidente da Alego, Lissauer Vieira, também estava presente no lançamento da reforma de 113 escolas
Presidente da Alego, Lissauer Vieira, também estava presente no lançamento da reforma de 113 escolas | Foto: Folha Z

De acordo com a secretária, foi cancelado um projeto orçado em R$ 30 milhões para construir uma nova sede para a Seduc: “Era todo espelhado, parecia os prédios de Nova York”.

Reforma

Agora, o plano é reformar a atual sede da pasta, que fica na Avenida Anhanguera, no setor Leste Vila Nova.

A obra, segundo Gavioli, vai custar um valor equivalente a 1 ano do aluguel do prédio antigo.

Conforme publicações anteriores do Governo Estadual, o custo mensal de locação do imóvel antes ocupado pela Seduc, no Setor Oeste, era de R$ 500 mil.

“O poder público tem que reutilizar. E devolver o dinheiro que gastaria com obras faraônicas para essas crianças”, afirmou, referindo-se aos alunos da rede pública presentes no evento.

Sede da Secretaria Estadual de Educação (Seduc) no setor Leste Vila Nova, em Goiânia
Sede da Secretaria Estadual de Educação (Seduc) no setor Leste Vila Nova, em Goiânia
Sede da Secretaria Estadual de Educação (Seduc) no setor Leste Vila Nova, em Goiânia | Foto: Divulgação

LEIA MAIS 👉 Governo quer lançar pré-candidatura de Glaustin já nas próximas semanas

Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook

Fonte: www.folhaz.com.br/politica/fatima-gavioli-critica-obras-faraonicas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here