Nos últimos anos, as plataformas de criptomoedas DeFi que rendem juros vêm atraindo um interesse crescente de investidores em criptoativos. Pela simples chance de se obter juros e valorização sobre seu ativo, sem ter que vendê-lo e garantir um fluxo de receita passiva constante vem atraindo um grande fluxo de capital para as plataformas de empréstimos. 

Durante o mês passado, observou-se um aumento do interesse sobre o Aave (LEND) – um protocolo de empréstimo que vem crescendo no setor, lançando um pacote de novos recursos para otimizar ainda mais a experiência do usuário. De novos modelos de taxas de juros à integração de novos tipos de colaterais DeFi, como tokens Uniswap LP, resolvemos analisar as melhores plataformas para Lend. 

Um panorama geral sobre as plataformas de empréstimo DeFi

Existem diversas plataformas cada uma com uma modalidade de empréstimo e retorno sobre juros. Os tipos principais são:

  • Sem permissão – qualquer pessoa pode emprestar seus ativos por meio dos protocolos de sua escolha com custos mínimos.
  • Automatizado – os contratos inteligentes seguem parâmetros pré-estabelecidos para emitir, monitorar e atender os empréstimos ativos.
  • Não custodiante – Praticamente todos os protocolos de empréstimo DeFi não exigem que os usuários transfiram a propriedade de seus ativos subjacentes. Isso significa que eles podem entrar e sair quando quiserem, sem qualquer orientação ou aprovação de terceiros.
  • Dinâmico – a maioria dos principais protocolos de empréstimo hoje oferece taxas de juros variáveis que são ajustadas automaticamente em relação à oferta e demanda de qualquer ativo.
  • Livre de estresse – os juros obtidos com o empréstimo são cobrados automaticamente, o que significa que há pouco ou nenhum grau de manutenção exigido pelos usuários finais para obter uma renda passiva nas criptomoedas mais populares.

Com tantos protocolos de empréstimo diferentes à sua disposição, há também pontos-chave a considerar antes de começar a contrair empréstimos:

  • Taxas relativas – se as taxas de juros em um protocolo de empréstimo forem drasticamente mais altas do que em outros, sugerimos que você aja com cautela. Na maioria das vezes, retornos mais altos vêm com um grau de risco mais alto.
  • Custódia – certifique-se de observar se um protocolo de empréstimo tem ou não a custódia. A maneira mais fácil de saber é depositando uma pequena quantia de capital. Se esse capital não puder ser resgatado automaticamente a seu critério, é provável que o protocolo tenha a custódia e detenha a propriedade de seu capital.
  • Histórico de auditoria – É sempre bom garantir que uma plataforma foi auditada antes de fornecer qualquer capital.
  • Modo Beta – Muitos protocolos de empréstimo ainda estão em seu nascimento e sinalizarão isso com um indicador de “modo beta” em algum lugar do site. Para novos usuários, recomendamos ficar longe de projetos que ainda estão em modo beta.
  • Presença social – os projetos que contam com o apoio da comunidade costumam ser mais ativos nas redes sociais. Se você está em dúvida sobre emprestar com qualquer protocolo, verifique o Twitter deles para ver se a comunidade se envolve com suas postagens como um sinal de confiança.

Quais as melhores plataformas?

As plataformas mais bem avaliadas estão focadas nas transações com DAI, uma stablecoin atrelada ao dólar e cunhada sob após o empenho de Ether (ETH) como garantia colateral.

Aave (1.87% sobre o DAI)Compound Finance (2.87% sobre o DAI)Dharma (2.58% sobre o DAI)dYdX (4.01% sobre o DAI)Fulcrum (0.93% sobre o DAI)Nuo (8.67% sobre o DAI)NEXO (8% sobre o DAI)

Porém, não é só com DAI que os credores se obtém juros, mas com BAT também Vimos recentemente que a taxa de juros para tomar um empréstimo em BAT no protocolo Aave aumentou de 100%.

imagem14-08-2020-18-08-31
imagem14-08-2020-18-08-31

Imagem: Defi Rate

No Aave, estes juros são calculados de acordo com a taxa de utilização dos depósitos, que é divulgada na página da plataforma como é calculado e como estimar esses dados.

Portanto, a ideia por trás do conceito de empréstimos e financiamentos baseados em Aplicativos Descentralizados (dApps) vem ganhando cada vez mais espaço e atraindo grande quantidade de dinheiro, o que atrair também sistema viciados, como vimos essa semana no caso do protocolo YAM que também se destinava a ser uma plataforma que proveria liquidez aos protocolos de empréstimos.

No geral o setor vem mantendo consistentes taxas de crescimento e valores empenhados, segundo o DeBank há US$ 6.55 bilhões bloqueados nas plataformas.

imagem14-08-2020-18-08-31
imagem14-08-2020-18-08-31

Imagem: Alethio

O Ether é o principal motor desse crescimento e seu uso massivo, vem trazendo efeitos colaterais como o aumento das taxas de transações, o GAS. Que vem sendo apontado pelos especialistas como o principal empecilho para o crescimento do setor. Ainda assim as taxas de uso do Ether nas plataformas não para de crescer.

LEIA MAIS

Fonte: cointelegraph.com.br/news/what-are-the-main-platforms-for-earning-interest-with-crypto

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here