25 de março reabertura
25 de março reabertura

 (Eduardo Frazão/Exame)

O governo do estado de São Paulo vai ampliar de 6 horas para 8 horas a abertura de comércio, shoppings, bares, restaurantes, salões de beleza e academias. A medida começa a valer a partir de sexta-feira, 21, e somente nas regiões que estão na fase 3 amarela do Plano São Paulo, a diretriz que determina a quarentena.

Atualmente, 86% do estado de São Paulo está na fase amarela, incluindo a capital paulista. De acordo com o vice-governador, Rodrigo Garcia, a regulamentação vai ficar a cargo das prefeituras. 

Os estabelecimentos também vão poder escolher se fazem as 8 horas de forma ininterrupta ou se fracionam em duas partes. O horário máximo de atendimento permanece o mesmo, até as 22 horas. Também continuam as medidas de segurança, como uso obrigatório de máscara e capacidade máxima de 40%.

“Houve muitos pleitos setoriais e nós tomamos a decisão com muita análise. O Centro de Contingência fez um trabalho muito responsável. Todos os protocolos de distanciamento continuam a ser seguidos”, disse a secretária de Desenvolvimento Econômico, Patricia Ellen, nesta quarta-feira, 19.

Veja também

Segundo o coordenador do Centro de Contingência da Covid-19, José Medina, a ampliação do horário de funcionamento do comércio é a máxima permitida na fase amarela. 

“O horário é compatível com a jornada da maioria dos trabalhadores, que é de 8 horas por dia. Para expandir ainda mais, agora só na fase 4 verde. E isso depende do esforço de todos para melhorar os indicadores”, disse ele em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes. A próxima reclassificação de fases é nesta sexta-feira, 21.

De acordo com a Secretaria da Saúde, o estado tem um total de 721.377 casos confirmados e 27.591 mortes causadas pela covid-19.

Fonte: exame.com/brasil/governo-de-sp-amplia-a-permissao-de-abertura-do-comercio-para-8h-por-dia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here