O ex-presidente do Reserve Bank of India, Raghuram Rajan, disse que criptomoedas privadas como Bitcoin (BTC) e o Libra do Facebook podem ter um futuro, mesmo quando os bancos centrais lançarem suas próprias moedas digitais.

Rajan, que também foi Economista-Chefe e Diretor de Pesquisa do Fundo Monetário Internacional (FMI) de 2003 a 2006, disse durante um podcast da CNBC que uma dessas moedas digitais só poderia se tornar problemática se detivesse um monopólio.

No entanto, ele acredita que haverá outras moedas digitais privadas que desempenharão papéis diferentes e proporcionarão forte competição com as existentes.

O ex-banqueiro disse que, no futuro, o Bitcoin atuará principalmente como uma reserva de valor ou um ativo especulativo, em vez de um meio de troca. “Bitcoin é um pouco como ouro”, acrescentou.

Por outro lado, o Libra será usado para transações diárias, disse Rajan.

Rajan também expressou sua preocupação com as moedas digitais do banco centrai (CBDC). Ele disse que os bancos serão capazes de obter uma grande quantidade de informações por meio do uso de CBDCs, mas as pessoas podem não se sentir confortáveis ​​em compartilhar todas as suas informações pessoais de pagamento. Os bancos precisariam decidir quais dados desejam coletar e como utilizá-los, acrescentou.

Semelhante às moedas digitais privadas, também será um problema se houver um “monopólio da moeda digital do banco central sem salvaguardas sobre o uso e gerenciamento da moeda e dos dados que a acompanham pelos bancos centrais”.

Será benéfico haver concorrência tanto para as moedas digitais privadas quanto para as do banco central, disse Rajan.

Rajan concluiu que, embora haja desafios a serem resolvidos no espaço da moeda digital, ele gostaria de ver as moedas digitais privadas coexistirem com as moedas digitais do banco central e ver o que funciona melhor.

Leia mais:

Fonte: cointelegraph.com.br/news/top-indian-central-banker-says-cryptos-have-a-future-but-fears-monopoly

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here