(Divulgação/B3)

No noticiário de empresas, um dos destaques foi a declaração da Totvs de que o comitê especial independente da Linx tem trabalhado para retardar, ou mesmo impedir, a análise da proposta da Totvs para unir as empresas, com o objetivo de favorecer a proposta feita pela Stone. Além disso, a Ultrapar Participações e a Cosan confirmaram que estão disputando a compra da Refinaria Presidente Getúlio Vargas da Petrobras, no Paraná.

Outro destaque é a notícia de que a Petrobras deve adiar a oferta dos 37,5% ainda detidos pela petroleira na BR Distribuidora até que haja uma melhoria das condições do mercado de capitais, de acordo com o Valor Econômico. Ao mesmo tempo, a B2W homologou um aumento de capital de R$ 4 bilhões, enquanto a B3 anunciou pagamento de proventos. Já o Conselho da B3 aprovou o pagamento de R$ 1,3 bilhão em dividendos e R$ 302 milhões em juros sobre capital próprio.

Confira os destaques:

A Totvs afirmou ontem que o comitê especial independente da Linx tem trabalhado para retardar, ou mesmo impedir, a análise da proposta da Totvs para unir as empresas, com o objetivo de favorecer a proposta feita pela Stone.

Ontem à noite, a Totvs informou, em comunicado, que os conselheiros da Linx não vão firmar o Protocolo e Justificação de Incorporação por entenderam que isso feriria o acordo de associação entre Linx e Stone. A Totvs destacou que o documento está disponível para assinatura desde 4 de setembro. Segundo a companhia, não houve “evolução relevante da análise” pelo comitê especial.

Segundo a Totvs, sua proposta ficará válida até 13 de outubro de 2020, desde que a Linx dê à empresa o mesmo nível de acesso à informação dado à Stone na preparação dos documentos exigidos pelos órgãos reguladores para a realização das assembleias.

Além disso, caso a assembleia da Linx para avaliar a proposta da Stone seja convocada antes de o formulário F-4 da Totvs seja aprovado pela SEC, a Totvs pede que os acionistas da Linx possam esperar para que as duas propostas sejam deliberadas no mesmo evento.

A Totvs também pede que o comitê independente emita sua recomendação aos acionistas da Linx sobre a proposta da Totvs. “Reiteramos que a proposta da Totvs somente será mantida depois de 13 de outubro de 2020 caso as condições mínimas acima sejam respeitadas”, afirmou a empresa.

A Ultrapar Participações e a Cosan confirmaram que estão disputando a compra da Refinaria Presidente Getúlio Vargas (REPAR) da Petrobras, no Paraná. Em comunicado, a Cosan informou que apresentou uma proposta para comprar a Refinaria. A proposta foi feita pela Cosan e o consórcio liderado pela Raízen. A Ultrapar também informou que está participando do processo.

Em relatório, o Credit Suisse afirmou que, além da Ultrapar e da Raízen, a Sinopec também fez uma oferta pela empresa. Na visão do banco, deve haver uma nova rodada de propostas pela companhia. “Acreditamos que a Ultrapar e a Cosan vão competir pela Repar e pela Refinaria Alberto Pasqualini (REFAP).”

No momento, o Senado está procurando apoio para vetar a venda de subsidiárias da empresa sem autorização do Parlamento. Segundo a Agência Senado, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, apresentou relatório com voto favorável ao deferimento do pedido formulado pelo Senado contra a venda de subsidiárias da Petrobras sem análise do Parlamento. Outro ministro do STF, Ricardo Lewandowski, já apresentou voto e acompanhou o relator. Os demais ministros têm até o dia 25 de setembro de 2020 para apresentarem seus votos.

Ainda no radar da companhia, a Petrobras deve adiar a oferta dos 37,5% ainda detidos pela petroleira na BR Distribuidora até que haja uma melhoria das condições do mercado de capitais, de acordo com o Valor Econômico. O processo de desinvestimento recebeu aval do conselho de administração no final de agosto. No entanto, a bolsa vem caindo desde então, o que levou a empresa a segurar a operação, segundo o jornal.

A Minerva informou a liquidação financeira do aumento de capital em função do exercício de bônus de subscrição homologados na última Reunião do Conselho de Administração da Companhia, em 15 de setembro. A operação somou R$ 395,5 milhões, com a emissão de 61.604.794 novas ações ordinárias.

Com isso, o capital social passou a ser dividido em 548.413.533 ações ordinárias. Segundo a Minerva, ainda restam 59.382.322 bônus de subscrição disponíveis no mercado, com prazo máximo para exercício até 21 de dezembro de 2021, podendo representar um aumento de capital adicional de aproximadamente R$ 381,2 milhões.

A B3 aprovou pagamento de juros sobre capital próprio no valor total de R$ 302 milhões, equivalentes ao valor bruto de R$ 0,14778588 por ação. Além disso, foi aprovado o pagamento de dividendos de R$ 1,324 bilhão, equivalentes ao valor de R$ 0,648368753 por ação. Os pagamento serão feitos em 07 de outubro e têm como base a posição acionário de 24 de setembro de 2020. As ações serão negociadas na condição “ex” juros sobre capital próprio e dividendos a partir do dia 25 de setembro de 2020.

A B2W homologou o aumento de capital social da Companhia, aprovado em 21 de julho, no valor de em R$ 4 bilhões, mediante a emissão privada de 34.782.609 novas ações ordinárias, pelo preço de emissão de R$115,00 por ação. Com isso, o capital social da Companhia passou de R$ 8,3 bilhões para R$ 12,3 bilhões, dividido em 559.632.528 ações ordinárias.

Banco do Brasil (BBAS3)

O Banco do Brasil formalizou a saída do presidente Rubem de Freitas Novaes. Ele será substituído, a partir de hoje, por André Brandão, ex-presidente do HSBC, segundo a Reuters. Novaes foi indicado pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes, em novembro de 2018.

O Bradesco BBI atualizou o preço-alvo da Hapvida de R$ 71 para R$ 73 para refletir o recente movimento de aquisições, crescimento orgânico e melhoria de preços. Com as novas aquisições, a base de beneficiários cresceu mais de 10%, ampliando a diversificação do portfólio e reduzindo a exposição às regiões Norte e Nordeste.

Segundo o banco, o rating foi mantido em Neutro. Os analistas alertaram que a empresa pode sofrer uma queda maior no número de beneficiários devido à crise da Covid-19 e ao aumento do desemprego, especialmente nas regiões Norte e Nordeste. Por outro lado, o BBI destacou que a Hapvida está envolvida em uma mudança estrutural do setor, e que a aquisição de empresas em diferentes regiões deve criar oportunidades de crescimento orgânico no médio e no longo prazo.

Plano & Plano (PLPL3)

A Plano & Plano informo que o acionista Truxt Investimentos aumentou a participação em ações ordinárias da companhia, passando a administrar um total de 24.900.000 ações ordinárias, correspondentes a 12,19% do total de ações ordinárias da Plano & Plano.

A Ez Tec anunciou o lançamento de um complexo residencial na cidade de Guarulhos que terá Valor Geral de Vendas (VGV) de R$ 205,8 milhões. São dois projetos, com áreas que variam de 39 a 110 metros quadrados. A previsão de entrega é setembro de 2023.

A Marfrig vai colocar em prática a partir de outubro o monitoramento ambiental de fazendas pecuárias ligadas direta ou indiretamente ao fornecimento de gado para a companhia, segundo O Estado de S.Paulo. Segundo a reportagem, o objetivo é evitar a aquisição de bovinos que tenham passado por áreas de conservação ambiental, desmatadas ilegalmente, embargadas pelo Ibama ou que usem trabalho análogo à escravidão.

A Sanepar prorrogou por 90 dias a cobrança para clientes cadastrados na tarifa social.

Do Zero ao Gain: intensivo gratuito de 4 dias com André Moraes ensina como extrair seu primeiro lucro na Bolsa. Clique aqui para se inscrever





Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here