Foto: Ascom Iges-DF
Luciana Pires de Souza deu entrada no Hospital Regional de Santa Maria em 9 de setembro e ficou 38 dias internada na UTI, dos quais 22 intubada. Nesta sexta-feira, ela foi liberada da sala de pacientes com coronavírus | Foto: Ascom Iges-DF

A Secretaria de Saúde informou que o Distrito Federal atingiu nesta segunda-feira (26) a marca dos 200.063 pacientes recuperados pela rede pública do DF da Covid-19. Entre as pacientes que receberam alta nesta segunda está Luciana Pires de Souza, 50 anos. Ela trabalha numa lavanderia e mora em Valparaíso de Goiás. Luciana deu entrada no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), administrado pelo Iges, no dia 9 de setembro e ficou 38 dias internada na UTI, dos quais 22 intubada. Nesta sexta-feira, ela foi liberada da sala de pacientes com coronavírus. 

Segundo o último boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde, foram registrados 210 mil casos da doença no DF, dos quais 200.063 pacientes foram recuperados, o que corresponde a 95,2% do total de infectados. Foram ainda registrados 3.641 óbitos, o que equivale a 1,7% do número de vítimas da Covid-19. 

Medidas de segurança

O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, ao lamentar cada morte registrada, comemorou cada vida salva pelas equipes que estão na linha de frente no combate ao coronavírus. Mas mesmo diante dos números que mostram queda no número de contaminação e estabilidade nos índices de óbitos, Okumoto voltou a defender que os moradores mantenham as medidas de segurança para evitar a Covid-19. 

“Todos ainda devem usar as máscaras, devem primar pelo isolamento social, lavar as mãos com água e sabão e também utilizar o álcool gel”, recomendou. “Estamos lutando muito fortemente na pandemia e esperando que vacina chegue brevemente ao Distrito Federal para imunizar a nossa população”, disse.

*Com informações da Secretaria de Saúde



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here