O Santos enfrentou uma temporada 2020/2021 caótica. Com mudanças de treinadores, corte no salário dos atletas, punição da Fifa, impeachment de presidente, eleições e a polêmica contratação de Robinho.

Além da desconfiança dos torcedores, o elenco passou pelo surto de COVID-19. E, mais uma vez, apostou nos Meninos da Vila. Com todas estas dificuldades, o Peixe realizou uma das melhores campanhas da Conmebol Libertadores e vai decidir o título contra o rival Palmeiras, neste sábado (30), no estádio do Maracanã.

O Esporte News Mundo preparou uma retrospectiva do Santos durante a temporada, veja;

Saída de Jorge Sampaoli

O ano começou ainda em dezembro de 2019, com a saída do técnico argentino Jorge Sampaoli do cargo. Após reunião com o então presidente José Carlos Peres, o treinador exigiu um investimento maior que na temporada seguinte. Em 2019, o clube investiu (80 milhões em 14 reforços). O então presidente, não concordou e as duas partes tiveram um desfecho bem conturbado.

Foto: Divulgação/ Santos FC

No comando técnico, Sampaoli levou o Peixe a realizar a melhor campanha no Campeonato Brasileiro desde 2006. Ficou em 2º lugar com 74 pontos e classificou a equipe para Conmebol Libertadores de 2020.

Porém, amargou 3 eliminações em competições mata-rata. Pelo Campeonato Paulista, diante o Corinthians, na Copa do Brasil contra o Atlético-MG e na Sul-Americana quando caiu para o River Plate-URU.

Com Sampaoli, o Santos teve 35 vitórias, 15 empates e 15 derrotas. Com aproveitamento de 61,5%.

A saída de Sampaoli causou polêmica na época.

O treinador argentino, no mesmo mês, entrou na justiça contra o Santos. Segundo a versão do técnico, pediu demissão no dia 11 de dezembro, alegando falta de pagamento no Fundo de Garantia do Tempo Serviço, e de seus auxiliares na época.

A briga ficou entre o dia da saída de Sampaoli do Santos. O clube, alega que foi durante a reunião no dia (9), para definir o futuro do técnico na próxima temporada. Com isso, o treinador deveria pagar uma multa aos cofres do Peixe.

Já o comandante, diz que formalizou sua saída somente no dia (11). Com isso, ficaria livre de pagar a multa.  

Segundo o blog da Gabriela Moreira, do ge.globo.com, a multa vigente no primeiro contrato era de 2,5 milhões de euros (pouco mais de R$ 11 milhões), caso o argentino decidisse deixar o clube, e de 800 mil de euros (cerca de R$ 3,6 mil), caso o Santos o dispensasse à partir do dia 10 de dezembro

Em outubro de 2020, a Justiça da 5º Vara do Trabalho de Santos condenou o Peixe e deu ganho de causa a Jorge Sampaoli. Segundo a reportagem do ge.globo.com, o clube deve pagar 4,4 milhões de reais ao treinador.

O valor é referente a férias, 13º, FGTS e premiação pela classificação do Peixe à Libertadores de 2020. Até o momento da matéria, o clube pode recorrer da decisão.

Além disso, o Santos alega que Sampaoli pediu demissão no dia 9 de dezembro de 2019, porém, os advogados do argentino conseguiram provas na Justiça que o técnico só formalizou no dia (11), com isso, Sampaoli estava livre de pagar multa.

Portanto, segundo a decisão da Justiça, o argentino não deveria pagar o valor pela sua rescisão, somente o que tinha de direito. Por fim, a relação entre Jorge Sampaoli e Santos chegou ao fim de uma forma bem conturbada.

Jesualdo Ferreira assume o Peixe

Foto: Divulgação/Santos FC

Em janeiro, o Santos seguiu o planejamento de ter um técnico estrangeiro e trouxe o português Jesualdo Ferreira para assumir o comando técnico da equipe.

Experiente e com passagens pelos três clubes de maior popularidade em Portugal (Sporting, Porto e Benfica), chegou ao Peixe com a expectativa de repetir o bom trabalho do seu antecessor.

Porém, com problemas financeiros, o clube não teve tantas contratações, somente Madson, após troca na negociação com Grêmio por Victor Ferraz e, Raniel que foi repassado pelo São Paulo em acordo pela compra de Vitor Bueno.

Estes foram os reforços que o treinador recebeu durante o início da temporada. Plantel, que teve também o arqueiro Vanderlei de saída rumo ao tricolor gaúcho.

Além disso, o método de trabalho de Jesualdo era muito diferente de Sampaoli. E, ficou claro no desempenho da equipe no começo do Campeonato Paulista. O português, com os resultados ruins ficou pressionado no cargo, logo nos primeiros jogos.

Recuperação, bom início na Libertadores e a paralisação por conta da pandemia

Pressionado, Jesualdo Ferreira precisava mostrar resposta nos jogos. E, após o empate diante o Palmeiras pelo placar de 0 a 0, no Pacaembu. O time, foi elogiado pela postura e atitude no duelo.

Naquela semana, exatamente no dia 3 de março, o Santos fazia sua estreia na Conmebol Libertadores, diante o Defensa y Justicia, na Argentina. Mesmo com a pressão da torcida adversária, a agremiação venceu de forma heróica, com direito a virada pelo placar de 2 a 1, com gols de Jobson e Kaio Jorge. Brilhou a estrela do treinador!

Depois do êxito, o Peixe engatou mais duas vitórias, contra o Mirassol (Paulista) e Delfin-EQU (Libertadores), com isso virou líder do grupo G. Antes da parada por conta da pandemia do novo coronavírus, o Santos enfrentou o clássico diante o São Paulo e saiu derrotado. Mas, existia uma certa confiança no trabalho depois do início da Libertadores.

Devido a pandemia do novo coronavírus, o futebol mundial parou e o Santos, como os outros clubes, decidiu fazer o corte de salário.

A diretoria santista, tinha feito um acordo com os jogadores de cortar somente 30% e acabou fazendo um corte extenso. Resolveu cortar 70% dos recebimentos dos atletas que reagiram mal a decisão.

A agremiação, até resolveu voltar ao acordo, mas alguns atletas decidiram não continuar no clube. Como nos casos do atacante Sasha e o goleiro Everson que rescindiram o contrato com o clube de forma unilateral. Os dois atletas, foram atuar no Atlético-MG.

Volta da pandemia e demissão de Jesualdo Ferreira

Após o retorno do futebol, o clima dentro do clube não estava dos melhores. Ainda mais, somou com os resultados negativos que culminou na eliminação nas quartas-de-final do Campeonato Paulista pela Ponte Preta, na Vila Belmiro.

Com a derrota, a pressão aumentou e o técnico português não aguentou e foi demitido em agosto. No comando do Peixe, Jesualdo Ferreira fez 15 partidas e somou 6 vitórias, 4 empates e 5 derrotas.

Dívida na Fifa

O clube, por não cumprir acordo financeiro com o Hamburgo-ALE, pela compra do zagueiro Cléber Reis, Atlético Nacional-COL pela contratação do defensor Felipe Aguilar e do Huachipato-CHI pela aquisição de Soteldo. A agremiação praiana ficou proibida de contratar novos atletas.

Quando pagou o clube alemão e antes de ser punido novamente pelas dívidas, teve autorização para contratar durante a janela. Neste período, contratou o zagueiro Laércio do Caxias.

Chegada de Cuca e início do Campeonato Brasileiro

Foto: Divulgação/Santos FC

No mesmo mês de agosto, o técnico Cuca, assumiu o comando do Santos, para recuperar a equipe na temporada.

Com um elenco curto, o treinador contou com a permanência de alguns líderes técnicos do time, como Lucas Veríssimo, Diego Pituca, Sánchez, Soteldo e Marinho.

Contou com a raça e perseverança de atletas que tem o papel de coadjuvantes, mas se tornaram importantes, como Luan Peres, Felipe Jonatan, Pará e do capitão Alison.

E, apostou em atletas da base, como os goleiros João Paulo, John, o volante Sandry e os atacantes Lucas Braga (retornou de empréstimo junto a Inter de Limeira) e Kaio Jorge.

Além disso, com a chegada de Cuca, o técnico blindou o plantel dos problemas extracampo e atrasos salariais. Diante a estes fatos, criou uma identidade dentro das quatro linhas.

Com uma equipe intensa e de velocidade, ganhou muitos pontos importantes no torneio nacional. À ponto de sonhar com uma vaga no G-4, até a metade do primeiro turno.

Carlos Sánchez fora por lesão

Foto: Divulgação/Santos FC

Durante o ano, um dos principais jogadores da equipe, o meia Carlos Sánchez teve uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo e ficou de fora no restante da temporada. Com a chegada de Cuca, o treinador conseguiu contornar a situação e deu equilíbrio ao time, com a entrada de Lucas Braga.

O uruguaio, sempre foi muito ativo nas redes sociais e mostra apoio aos companheiros de equipe durante as decisões na campanha da Libertadores.

Atletas da base

Proibido de contratar, devido a punição na Fifa, o Santos apostou mais uma vez na base. Com a chegada de Cuca, os jogadores mostraram personalidade e, supriram bem as necessidades do plantel. Contribuindo para a caminhada da equipe no ano.

João Paulo e John: Os jovens goleiros, eram reservas até o começo da temporada. Muitos pensaram que o time sofria carência no gol. Porém, com a chegada de Cuca, os dois arqueiros mostraram segurança e técnica para enfrentar partidas decisivas no Campeonato Brasileiro e na Conmebol Libertadores.

Sandry: O volante de 18 anos, que também é convocado pela seleção brasileira de base. Aproveitou bem as chances com a chegada do técnico Cuca. Principalmente nos duelos diante o Grêmio. Com ótimas atuações, mostrou vontade e tranquilidade para enfrentar um adversário tradicional na competição.

Lucas Braga: A história mais incrível deste elenco do Santos, o atacante, é torcedor de arquibancada do clube. Até o ano passado, não imaginou que este ano seria o ponto alto de sua carreira. Retornou este ano de empréstimo junto a Inter de Limeira e ganhou espaço na equipe titular. Ajudou a equipe a fazer a ótima campanha na Libertadores com gols decisivos.

Kaio Jorge: O artilheiro e camisa 9 do time, cresceu muito com a chegada de Cuca. Com uma posição tática interessante, faz os seus companheiros de ataque renderem melhor e com mais liberdade, por conta de sua movimentação. É a grande esperança de gols do torcedor.

Impeachment de José Carlos Peres, novo presidente e Robinho

Foto: Divulgação/Santos FC

Em novembro de 2020, o clube presenciou o impeachment de José Carlos Peres. O vice Orlando Rollo assumiu o comando da agremiação. No final do ano passado, houve novas eleições e Andres Rueda foi eleito como novo presidente do Santos.

Durante esta fase de turbulência política, houve a contratação do atacante Robinho que foi julgado em primeira instância no ano de 2017, pelo crime de estupro de uma mulher albanesa, na cidade de Milão, em 2013.

Houve muita pressão externa e interna por conta do histórico do futebolista. Patrocinadores ameaçaram desistir de expor a marca devido à chegada do atleta. Após ser julgado em segunda instância na Itália, no final do ano passado. O clube rescindiu com o jogador.

Surto de COVID-19 no elenco

Em novembro, o clube teve 19 casos de coronavírus entre atletas e funcionários. Inclusive, o técnico Cuca que ficou internado na UTI, por conta da doença. Mesmo assim, o time repleto de desfalques superou e conseguiu bons resultados, como a partida diante o Internacional, na Vila Belmiro, com vitória do esquadrão da baixada pelo placar de 2 a 0, com gols de Ivonei e Kaio Jorge.

Retomada na Conmebol Libertadores

Com um começo sem nenhuma expectativa da torcida e imprensa. O time fez uma boa primeira fase, realizando uma das melhores campanhas da competição.

Após a chegada de Cuca, a equipe se encaixou no torneio e terminou em primeiro lugar no grupo G com 16 pontos. Que tinha Olímpia-PAR (tricampeão) e Defensa y Justícia -ARG (Atual campeão da Sul-Americana 2020).

Durante as fases de mata mata, passou por tradicionais equipes da América do Sul. Nas oitavas de final, passou pela LDU-EQU.

Nas quartas, em confronto nacional, eliminou o Grêmio-BRA, com direito a goleada no jogo de volta pelo placar de 4 a 1.  

Foto: Divulgação/ Santos FC

E, nas semifinais, passou de forma histórica pelo temido Boca Juniors-ARG, sendo muito superior no jogo da Vila Belmiro, que o Peixe venceu pelo placar de 3 a 0.

Até o momento na competição, a equipe praiana, realizou 12 jogos, venceu 8, empatou 3 e teve somente uma derrota. Marcou 20 gols e sofreu 9.

Na final, enfrenta o rival Palmeiras no próximo sábado (30), às 17:00, no estádio do Maracanã. O Peixe, vai em busca do seu quarto título da Conmebol Libertadores.

Quer saber mais sobre o Santos, siga o Esporte News Mundo pelo Twitter, Instagram e Facebook.










Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here