A Conferência de Pastores de John MacArthur para homens na liderança da igreja, que tinha a expectativa de atrair cerca de 3.000 participantes na megaigreja em Sun Valley, Califórnia, foi adiada devido a “litígios em andamento” e “ameaças” do governo do estado.

“À luz do nosso litígio em andamento e das ameaças recentes do Condado de Los Angeles e do Estado da Califórnia, decidimos que o curso de ação mais prudente neste momento é adiar a Conferência dos Pastores”, anunciou a Igreja no site oficial da conferência.

“Estaremos depondo os principais oficiais de saúde e oficiais do condado e exigindo que respondam por suas ações opressivas sob juramento, e solicitando todos os documentos e informações que apoiem ​​suas tentativas arbitrárias de restringir nossa liberdade religiosa como igreja”, escreveram.

“A liderança de nossa igreja permanece firmemente comprometida com a verdade de que Cristo é o cabeça da Igreja, e não vamos ceder à violação do governo da ordem bíblica de adorar e se reunir”, continuou a igreja. “Pretendemos defender esta verdade com firmeza e obter proteções constitucionais e legais apropriadas e mais alívio do Tribunal.”

O anúncio foi feito depois que o gabinete do governador da Califórnia, Gavin Newsom, afirmou que o estado revisaria as diretrizes para cultos religiosos fechados, atendendo a determinação da Suprema Corte dos Estados Unidos, que concedeu liminar de emergência bloqueando uma proibição total de cultos internos, mas mantendo as restrições ao canto e limite de 25% da capacidade do templo.

“Continuaremos a aplicar as restrições que a Suprema Corte deixou em vigor e, após revisar a decisão, emitiremos diretrizes revisadas para os serviços religiosos para continuar a proteger a vida dos californianos”, disse Daniel Lopez, secretário de imprensa do governador.

O oficial de saúde do contado, Dr. Muntu Davis, já havia dito que as autoridades estava preocupadas com o evento da Grace Community Church.

“O condado está muito preocupado com os impactos na saúde pública que podem advir de um evento como este se for realizado, especialmente porque continuamos a ver um grande número de casos e um grande número de pessoas em hospitais que estão doentes com COVID-19”, disse Davis .



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here