Autorização de uso de área pública do zoo abrange até dez ambulantes, que poderão atuar de 2 de março a 2 de maio | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

A Fundação Jardim Zoológico de Brasília (FJZB) publicou nesta sexta-feira (19), no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), o chamamento público para autorização de uso de área pública, a ser ocupada por dez ambulantes, com o objetivo de atender às necessidades do zoo no período de 2 de março a 2 de maio deste ano. Os selecionados serão distribuídos em dias alternados e alocados nas áreas de visitação pública, em espaços definidos pela FJZB.

De acordo com o edital, os interessados podem servir, além de bebidas não alcoólicas, até duas especialidades das seguintes opções:

  • Culinária internacional (pizza, macarrão, risoto, yakisoba e afins);
  • Culinária regional (acarajé, vatapá, tapioca, cuscuz, cocada e afins);
  • Sanduíches diversos (hamburgueria);
  • Creperia (crepes diversos);
  • Alimentação vegana;
  • Pastéis diversos;
  • Açaí, sorvetes e/ou picolés e/ou dindim, desde que não esteja caracterizado nenhum vínculo empregatício com a marca oferecida.

Será cobrado, por meio de boleto bancário emitido pelo Sistema Integrado de Lançamento de Créditos do Distrito Federal (Sislanca), o preço público, para cada um dos dez permissionários, de R$ 45,86 relativos a 27 dias, sendo de R$ 1,6983 o valor cobrado por dia, pela utilização de área pública correspondente a 20 metros quadrados.

Os interessados devem encaminhar as propostas até às 18h do dia 22 deste mês – o prazo-limite, anteriormente afixado para esta sexta-feira (19), foi prorrogado e será publicado em uma retificação no DODF – no Protocolo da FJZB, de acordo com a publicação – onde também podem ser vistos os formulários de Requerimento de Credenciamento e de Termo de Autorização de Uso do Edital de Chamamento Público nº 01/2021 no Edital de Chamamento Público 01/2021.

*Com informações da FJZB



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here