Em entrevista coletiva nesta quarta-feira (24), Jorge Jesus foi sincero e confessou abertamente que está infeliz no Benfica.

A afirmação foi dada um dia após diversos jornais de Portugal informarem sobre o descontentamento do técnico com a diretoria e vice-versa, por causa do desempenho abaixo do esperado dentro de campo.

O técnico ainda citou (indiretamente) o trabalho realizado pelo Flamengo na temporada 2019, quando conquistou quase todos os títulos possíveis e perdeu apenas o Mundial de Clubes (contra o Liverpool) e a Copa do Brasil (nas oitavas, contra o Athletico Paranaense).

“Se estou feliz? Eu vim porque acreditei no projeto e continuo a acreditar. No último ano só não ganhei o mundial, o resto ganhei tudo. Sei que os treinadores nem sempre ganham, mas isso não teve a ver com falta de qualidade do meu trabalho, dos jogadores, da estrutura.”

“Estão sempre a falar da estrutura, parece que o Rui Costa não sabe lidar com isso, e o treinador nem o presidente sabem… Se querem aproveitar isso para outros patamares que não o futebol, eu não sei.”

“Mas… Não estou feliz totalmente, porque vim para ser campeão, para trabalhar normalmente, e fui impedido por uma pandemia. Não me sinto feliz, pelo contrário, todos os dias a levar com isto nas TV e jornais. Posso sentir felicidade? Ninguém vê a verdade?”

Apesar de tudo, o atual técnico do Benfica afirma que não deixará o clube em hipótese alguma.

“Eu não vou embora. Não me sinto responsável por esta crise de forma alguma. Não é minha culpa, nem dos jogadores, nem da estrutura e nem do presidente. Isso é culpa da pandemia. Estou farto de ver os torcedores na TV criticarem e atacarem o clube, o Benfica precisa de carinho.”

Desde quando assumiu, o Benfica foi eliminado dos playoffs da UEFA Champions League em confronto contra o PAOK, treinado na época por Abel Ferreira, atual técnico do Palmeiras e campeão da Libertadores.

Na Primeira Liga, o Benfica ocupa apenas a 4ª posição, fora de classificação para as competições europeias. Quando chegou, o objetivo era ser campeão. Mas o clube benfiquense está 15 pontos atrás do líder Sporting, com 20 jogos disputados.

Agora, o objetivo é tentar ao menos a vaga na próxima Champons League. Com 39 pontos somados, o Benfica está atrás de Braga (43) e Porto (44), além do Sporting (54).

Nesta quinta-feira (25), o Benfica terá uma decisão com o jogo de volta contra o Arsenal, valendo vaga para as oitavas de final da UEFA Europa League, no Karaiskakis Stadium (Grécia). No jogo de ida, o placar terminou empatado em 1 a 1, mas o mando era do Benfica e um empate sem gols classificará o time inglês.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.











Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here