Finalidade é dar assistência para todos os pacientes que precisam ser internados e ampliar o giro de leitos de UTI Covid

 

JURANA LOPES, DA AGÊNCIA SAÚDE-DF

 

A Secretaria de Saúde abriu, na noite desta sexta-feira (5), dez leitos de enfermaria no Hospital da Região Leste (HRL- antigo Hospital do Paranoá) e vai abrir, neste sábado (6), mais 38 leitos de enfermaria no Hospital Regional da Asa Norte (Hran) e mais 40 leitos de enfermaria no Hospital de Ceilândia (HC), antigo hospital de campanha da Ceilândia. Ao todo, no prazo de menos de 48h, estão sendo abertos 88 leitos de enfermaria na rede.

Leitos darão assistência aos pacientes menos graves. Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde-DF

Os leitos de enfermaria são importantes porque permitem mais agilidade no giro de leitos de Unidade de Terapia Intensiva UTI e ajudam no acolhimento de pacientes que entram pelo Pronto Socorro. Esses leitos são ocupados pelos pacientes menos graves, que não tiveram a necessidade de ir para uma UTI ou por paciente que tiveram melhora e podem ser liberados do atendimento intensivo. A ativação desses leitos ocorre para que não haja desassistência para pacientes.

 

UTIs

 

A Secretaria de Saúde ativou, em sete dias, 110 leitos de UTI e de Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) para pacientes com Covid-19. Ontem, foram ativados mais 14 leitos, sendo 4 no Hospital de Campanha da PM e 10 leitos no Hospital de Ceilândia, antigo hospital de campanha. Ainda está prevista a ativação de mais 105 leitos nos próximos sete dias. No final da manhã deste sábado (6), a Sala de Situação da Secretaria de Saúde estava com um total de 284 leitos de UTI Covid-19.

 

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS:

 





Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here